Se for copiar algum poema ou texto desse blog, favor citar a fonte (colocar o nome da autora e o endereço do blog)

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Me veja de verdade - Pricilla Camargo Diniz



Pára de enxergar apenas a minha casca
e me veja de verdade.

Eu tô aqui...

Se você quiser ver a fada reluzente,
ela existe em mim.

Se você quiser ver a mulher guerreira,
ela também está aqui.

Agora para de me rotular.

Pára de me limitar.

Pára... Veja as duas.

Eu quero esses caminhos...
os quais piso no momento...

Eu quero essas nuances de laranja-azulado.

Eu quero risos e lágrimas doces...

Por que tenho que me limitar?

Não consigo entender...

Pára de enxergar apenas a minha casca e me veja de verdade.

29/07/2011

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Medo - Pricilla Camargo Diniz


Eu estou com medo.
Na verdade estou apavorada com o rumo das coisas em minha volta!

E olha que durante boa parte da minha vida eu tive medo de escuro.
Nossa... o escuro me deixava petrificada. Chegava até ficar sem ar e enxergar bolinhas roxas e amarelas de tanto medo.
Esse era o meu pior medo. ERA!

Agora estou com medo de alguma espécie de seres que andam, respiram, falam e se dizem Seres Humanos. É esse o meu pior medo agora. Medo de gente, da maldade no olhar e no agir sorrateiro.
Medo de pessoas de todos os jeitos, de bem vestidas, de mal vestidas, de boa família ou que não tiveram família alguma. De pessoas que parecem se divertir com o choro e sofrimento de outras.
Mas o que mais está me deixando sem chão é uma maldade disfarçada, disfarçada de formas de coisa “politicamente correta”; é um tombo de alguém e uma explosão de risadas; é o fingimento e indiferença perante outros seres da própria espécie.

É o desejo da morte de alguém, como se isso fosse reestruturar a ordem do mundo. É o medo da hipocrisia. De risos forçados e insanos só para conseguir alguma proeza, alguma bonificação e se dar bem.

Estou com medo de gente que perde a essência de gente: a Humanidade.

Sinceramente não sei onde vamos chegar e nem parar...

… Perdão!??? - eis uma palavrinha fora de moda,mas que mudaria o rumo da nossa vida para sempre!!